ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Sesau promove ‘Agosto Dourado’ para incentivar aleitamento materno

Propósito dessas ações é fazer com que a sociedade compreenda que promover e oferecer condições para a amamentação é responsabilidade de todos

Com o tema “Amamentar, Ninguém Pode Fazer por Você. Todos Podem Fazer Junto com Você”, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) irá promover ao longo do mês de agosto uma série de atividades para sensibilizar a população sobre a importância da amamentação. A programação faz parte do projeto Agosto Dourado, que integra o calendário oficial de eventos da pasta e é também uma estratégia para garantir maior visibilidade às ações de promoção ao aleitamento materno, por meio do Comitê da Primeira Infância.

A abertura oficial do Agosto Dourado vai ocorrer na segunda-feira (31) e marca o início da 25° Semana Mundial de Aleitamento Materno. A ação vai ocorrer às 8h30, no Centro de Formação dos Profissionais da Educação Professor Ib Gatto Falcão (Cenfor), localizado no Centro Educacional de Pesquisa Aplicada (Cepa), no bairro Farol, em Maceió.

Durante a abertura, haverá a distribuição de laços dourados, palestras e exposição de fotos em um varal. De acordo com a supervisora de Atenção à Saúde da Criança, Adolescente e Mulher da Sesau, Camila Farias, tanto o Agosto Dourado quanto a Semana do Aleitamento Materno são estratégias utilizadas em todo o mundo para dar visibilidade à importância da amamentação, incentivando a reflexão sobre o tema entre instituições, famílias, grupos e empresas.

“O propósito dessas ações é fazer com que a sociedade compreenda que promover e oferecer condições para a amamentação é responsabilidade de todos, não apenas um ato individual da mãe. Todos podem colaborar de uma forma ou de outra. Este ano, os profissionais de saúde estarão reforçando o papel da família no contexto da amamentação, que é de suma importância para o desenvolvimento do bebê”, afirma Camila Farias.

Segundo ela, o Agosto Dourado é uma referência à amamentação, como o padrão ouro para a alimentação infantil, sendo o pilar da estratégia global para a alimentação de lactentes e crianças de primeira infância. “Por isso, nos primeiros seis meses de vida, o bebê que mama no peito não precisa de nenhum outro alimento. O leite materno é o melhor, é completo e tem tudo que a criança precisa, inclusive água. As mulheres que amamentam têm menos chance de desenvolver câncer de mama, de útero, de ovário e o diabetes”, ressaltou.

Programação

De 1º a 7 de agosto, profissionais da Maternidade Escola Santa Mônica (MESM) e Hospital Universitário de Alagoas irão promover ações de panfletagem, blitz da Amamentação com alunos da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e residentes de enfermagem. Também serão realizadas visitas informativas nas enfermarias da Santa Mônica, rodas de conversas com Ligas Acadêmicas da Uncisal e palestras sobre os 10 passos para o sucesso da amamentação aos profissionais da maternidade. 


Agência Alagoa
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger