ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

terça-feira, 9 de maio de 2017

Irmãos alagoanos são suspeitos de integrar quadrilha que fraudava concursos




Dois alagoanos são suspeitos de envolvimento com a quadrilha que fraudou pelo menos 60 concursos públicos no Nordeste, incluindo Alagoas. Os irmãos José Marcelino dos Santos Filho, conhecido como “Diego”, de 34 anos, e Kamila Marcelino Crisóstomo da Silva, de 31 anos, foram presos em flagrante pela polícia na manhã do último domingo (07), em um condomínio de luxo em João Pessoa, na Paraíba.

Em conversa com o Portal TNH1, o delegado Lucas Sá, responsável pela Delegacia de defraudações e falsificações de João Pessoa, relatou que a dupla foi presa em flagrante junto com mais oito pessoas no momento em que respondiam as provas e mandavam para os candidatos do concurso.

Diego e Kamila são naturais do município de Joaquim Gomes, na Zona da Mata de Alagoas. Eles também são filhos do ex-prefeito da cidade José Marcelino, conhecido como “Nêgo Sarrapião”.

O irmão mais velho já foi preso em flagrante após participar da fraude em outro concurso público, realizado em Olinda-PE, em 2014. Porém, ele havia sido liberado e estava respondendo o crime em liberdade.

Já Kamila chegou a ser aprovada em 8 concursos por conta do esquema fraudulento. Ela é esposa de Flávio Nascimento, um dos líderes da quadrilha, que também é subsecretário de Cultura de Joaquim Gomes. Ele foi aprovado em 15 concursos, incluindo o da Polícia Militar de Alagoas, no qual ele exerce o cargo de cabo. Uma curiosidade sobre o chefe do grupo, é que em um dos concursos, para a Universidade Federal de Alagoas, ele chegou a ser classificado e aprovado em dois cargos. 

No momento, os irmãos estão sendo submetidos a uma audiência de custódia.


TNH1
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger