ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sábado, 8 de abril de 2017

Número de mortes confirmadas devido à febre amarela passa de 200 no Brasil


Ministério da Saúde confirmou 604 casos e 202 mortes devido à febre amarela. As informações foram divulgadas em um boletim publicado na sexta-feira (7) e são referentes ao período de dezembro de 2016 até esta quinta (6).

Destas 202 mortes, 148 ocorreram em Minas Gerais, 43 no Espírito Santo, quatro em São Paulo, quatro no Pará e três no Rio de Janeiro. Outros 48 óbitos ainda estão em análise e 52 foram descartados.

Até agora, as unidades de saúde municipais e estaduais receberam 2.210 notificações, em 342 cidades brasileiras. Deste número, 604 casos foram confirmados, 552 ainda estão em investigação e 1.054 foram descartados.

Das mais de 600 infecções confirmadas, 438 ocorreram em Minas Gerais, 146 no Espírito Santo, 11 no Rio de Janeiro, cinco em São Paulo e quatro no Pará.

Entenda a diferença entre febre amarela selvagem e urbana, e saiba quem precisa se vacinar Dose única

O atual surto de febre amarela no Brasil ainda é silvestre. As infecções ocorrem em zonas rurais e/ou mata. O vírus é transmitido pelos mosquitos Sabethes e Haemagogus.

A maneira mais eficiente de evitar o aumento dos casos é a vacinação. O governo federal liberou uma lista de locais onde a vacina é recomendada. Nas cidades onde não há recomendação, não é preciso receber uma dose.

Até esta quarta-feira (5), o Brasil era o uníco país que exigia uma dose de reforço após 10 anos da primeira aplicação. O Ministério da Saúde resolver seguir a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e, a partir de agora, uma única dose é suficiente para a proteção contra a doença.

G1
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger