ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

terça-feira, 25 de abril de 2017

Campanha de vacinação contra a Influenza prossegue até 26 de maio

Meta é imunizar, pelo menos, 90% do público-alvo, que representa 662.388 pessoas

A Campanha de vacinação contra a Influenza, que teve início no dia 17 de abril, exclusivamente para os profissionais de saúde, prossegue agora para os demais grupos prioritários.

Até o dia 26 de maio deverão ser imunizados os idosos, gestantes, crianças entre seis meses e menores de cinco anos, puérperas, povos indígenas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, portadores de doenças crônicas e professores das redes pública e privada.

 

Segundo o Programa Nacional de Imunização (PNI), a meta do Ministério da Saúde (MS) é imunizar pelo menos 90% do público-alvo, que representa 662.388 pessoas do total de 735.987 pessoas. A vacina protege contra os vírus H1N1, H3N2, além de também oferecer proteção contra a Influenza B.

“Cada município realiza sua estratégia para imunizar todos os integrantes do grupo prioritário. Não necessita correria para comparecer aos postos de vacinação, pois até o fim da campanha todos os integrantes do público-alvo serão vacinados”, salientou a técnica do PNI em Alagoas, Claudeane Nascimento. 

Em Maceió, além dos postos de saúde, é possível se vacinar em outros postos volantes. Além do Maceió Shopping (Mangabeiras), Parque Shopping (Cruz das Almas) e Pátio Maceió (Benedito Bentes), a vacinação está disponível no Supermercado Extra (Farol), sempre das 10h às 21h.

Nesta segunda-feira (24), Edmax Silva Aragão, levou o sobrinho, Lucas Mizael, e a mãe, Maria Luiza Aragão, para serem vacinados. Eles foram até o II Centro de Saúde, localizado na Praça da Maravilha, no bairro do Poço, em Maceió.

 

“Todo ano trago minha mãe para se vacinar e agora estou trazendo meu sobrinho, que tem um ano e cinco meses. Por causa dessa vacina, minha mãe adoece muito pouco e espero que o Lucas também cresça saudável como a avó”, afirmou Edmax.

O aposentado Antônio Omena, 86 anos, disse que todas as campanhas são positivas para que a população se previna contra complicações futuras. “Desde que comecei a tomar as vacinas, nunca mais tive uma gripe forte; às vezes são resfriados leves, sem dores de cabeça e febre. Sei da importância da vacinação e na minha idade não podemos vacilar”, salientou.

Prevenção

A técnica do Programa Nacional de Imunização em Alagoas , Claudeane Nascimento, ressalta que. Além da vacina, a Influenza pode ser evitada com atitudes simples. “É importante lavar constantemente as mãos, cobrir a boca e o nariz quando espirrar ou tossir, não compartilhar objetos de uso pessoal, manter os ambientes ventilados, com portas e janelas abertas, além de optar por uma alimentação balanceada e ingestão de muito líquido”, informou.

Agência Alagoas
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger