ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

terça-feira, 28 de março de 2017

Macaco morre de febre amarela em Maceió e Sesau recorre ao Ministério da Saúde

Alagoas (Sesau) foi informada que a morte de um macaco em uma mata de Maceió, registrada no mês de janeiro, deu-se por complicações provocadas pelo vírus da febre amarela. Diante do resultado, o secretário estadual de Saúde, Christian Teixeira, disse que vai se reunir com representantes do governo federal ainda esta semana para pedir as medidas profiláticas necessárias para evitar a expansão do vírus. 

Por meio de nota enviada à imprensa, a Sesau informou que, apesar de não haver o registro de casos de febre amarela em humanos no território alagoano, foi detectado o vírus da doença em um primata. A secretaria disse que o animal foi encontrado em uma região de mata situada no bairro do Tabuleiro do Martins, em Maceió.

Mesmo com o registro da morte do animal, a pasta enfatizou que o fato não é motivo para pânico ou preocupação, visto que "primatas, apesar de contraírem a doença, não transmitem a humanos". 

A secretaria diz que, como medida preventiva, está monitorando o caso em questão e adotando as ações que são recomendadas pelo  protocolo do Ministério da Saúde. A partir desta quarta-feira, Christian Teixeira estará em Brasília e vai buscar ajuda por parte do governo federal para enfrentar a situação. 

"O secretário vai se reunir com a equipe do Ministério da Saúde para alinhar as providências que o caso requer, o que pode resultar no aumento do quantitativo de vacinas destinadas a Alagoas", diz um trecho da nota, ressaltando que, atualmente, a vacina só é aplicada em quem vai viajar para regiões endêmicas. 


GazetaWeb.com
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger