ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Governador lança maior programa de enfrentamento à estiagem em Alagoas

Renan Filho assinou ordem de serviço para perfuração de 200 poços tubulares e anunciou 122 carros-pipas para atender emergencialmente 40 municípios


O governador Renan Filho lançou nesta quinta-feira (26), no município de Senador Rui Palmeira, sertão de Alagoas, a segunda etapa da Operação Água é Vida, maior programa de enfrentamento à estiagem no Estado.

Na ocasião, Renan Filho assinou a ordem de serviço autorizando a perfuração de 200 poços tubulares profundos e apresentou 122 carros-pipas que serão disponibilizados para atender emergencialmente os municípios que se encontram em situação de emergência. Trata-se do maior esforço integrado contra o longo período sem chuvas.

Com a ação do Estado, pelo menos 40 municípios serão contemplados pelo Programa Água é Vida 2017, da Defesa Civil.

“Estamos aqui para fazer um grande mutirão e materializar o lançamento da campanha. Serão também perfurados 200 poços tubulares profundos no Semiárido. É o Estado investindo R$ 6 milhões para minimizar os efeitos da seca. Isso é muito simbólico”, afirmou Renan Filho durante a solenidade.


Barragens perenes

O governador anunciou ainda o início da construção de um sistema de barragens perenes por meio das águas do Canal do Sertão. O Governo de Alagoas vai tirar água do Canal para 25 barragens que não secarão. Elas vão se localizar num raio de um a sete quilômetros do leito do rio artificial. Atualmente, o Canal do Sertão passa de 115 km com água.
 
Entre as obras estruturantes tocadas pelo Estado para robustecer o esforço contra a seca, a Adutora do Alto Sertão já foi entregue e os trabalhos da Adutora da Bacia Leiteira estão avançando.
 
Outra ação é da adutora que tira água da barragem do Bálsamo, no município de Palmeira dos Índios, que leva água para Estrela de Alagoas, Igaci e Minador do Negrão. “Vindo aqui ao Sertão, reunindo aqueles que operam os carros-pipa, nesse mutirão, vamos estabelecer uma melhor convivência com a seca”, completou o governador.
 
Por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), 200 poços tubulares profundos vão ajudar no acesso facilitado a tão almejada água. Trinta mil pessoas serão beneficiadas. Desde 2015, o Estado fez mais de 400 poços em todo as regiões de Alagoas. Porém, a meta do governador é perfurar em 2017 outros 400 poços artesianos.

Fonte: Agência Alagoas
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger