ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Outubro Rosa



A prevenção é o principal aliado para cura do Câncer de Mama

Esse é o mês, reconhecido internacionalmente de combate ao Câncer de Mama. Esse movimento teve seu início nos Estados Unidos, por volta de 1990, através de uma corrida que aconteceu em Nova York. O qual tinha o objetivo de chamar atenção para essa doença que tanto acomete as mulheres, como forma de conscientização e ainda arrecadar fundos para pesquisa na área. Apenas em 1997, que foi organizado a comemoração para todo mês de Outubro.

O câncer pode ser em homens ou mulheres, no entanto é, na grande maioria nas mulheres, apenas 1% nos homens. Segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, para 2016, se tem uma estimativa de 57.960 casos de câncer, esse tipo de câncer remete cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Temos, aproximadamente, 95 milhões de mulheres no país.

Segundo a Organização Mundial de saúde, são mais de 1.400,00 de novos casos de câncer de mama e 450.000 mortes em decorrência da doença no âmbito mundial. A cada 10 minutos uma mulher é diagnosticada com Câncer de Mama.

É uma doença grave, no entanto, pode ser tratada. Se detectada no início, com tumor menor que 1 cm, no estágio inicial, as chances são de 95% de cura. No entanto, só será possível ser detectado a partir da mamografia. Porque quanto maior o tumor, mais difícil o tratamento e a cura. Existe um mito que apenas o autoexame vai prevenir, no entanto, se a mulher apenas fizer autoexame não vai detectar o tumor com menos de 1 cm, estando assim num estágio mais avançado.

Infelizmente, ainda existe uma falta de informação a esse respeito. Segundo uma pesquisa feito pelo Datafolha, em 2008, para 82% das mulheres o autoexame é a principal forma de diagnóstico precoce, apenas 35% apontaram a mamografia.

Entre 1999 à 2003, segundo Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Brasil, quase metade dos casos de Câncer de Mama foram diagnosticado em estágio avançado, os especialistas da área estimam que mortalidade das mulheres de 50 e 69 anos poderia ser reduzida em um terço se todas as brasileiras fossem submetidas a mamografia uma vez por ano.

Os fatores de risco são: histórico familiar com Câncer de Mama, o aumento da idade, menarca precoce (primeira menstruação antes dos 11 anos), menopausa tardia (após os 55 anos), nunca ter engravidado ou ter tido o primeiro filho depois dos 30 anos. Os fatores de risco que são chamados de modificáveis, são o sobrepeso e a alta ingestão de álcool. 

O principal sintoma detectado no câncer de Mama é o caroço, nódulos, que geralmente são indolores, duros e irregulares, tem muitas chances de ser maligno. Existem outros sintomas importantes como: Inchaço em parte do seio, irritação da pele ou aparecimento de irregularidades, assemelhando a pele como uma casca de laranja, dor no mamilo ou inversão do mamilo (para dentro), vermelhidão ou escamação, saída de secreção, caroço nas axilas.

Vários relatos de mulheres, sejam novas ou com idades avançadas, mostram dores além de físicas, mas dor psicológica, o medo da morte, a exaustão do tratamento com quimioterapia, a retirada dos seios e o abalo com o impacto na sua aparência e ressignificação de valores e importância de vida. Logo, discutir câncer de mama, perpassa questões físicas. É preciso cuidar do psicológico também dessas mulheres que já detectaram tal diagnóstico.

A informação é a melhor prevenção. A psicologia também luta pelo combate do câncer de Mama. 

* * *


Referências


Causes, risk factors, and prevention. American Cancer Society. Consultado em 06 de outubro de 2016. Disponível emhttp://www.cancer.org/cancer/breastcancer/detailedguide/breast-cancer-risk-factors

Outubro Rosa: MPE também participa da campanha mundial. Publicado por Ministério Público do Estado de Alagoas (extraído pelo JusBrasil). Consultado em 07 de outubro de 2016. Disponível em http://mp-al.jusbrasil.com.br/noticias/2875055/outubro-rosa-mpe-tambem-participa-da-campanha-mundial

Dicas do Dia. www.uol.com.br. Consultado em 02 de outubro de 2016. Disponível emhttp://www2.uol.com.br/vyaestelar/mamografia.htm

Mulher Consciente. http://www.mulherconsciente.com.br/cancer-de-mama/sobre-o-cancer/#deteccao. Consultado em 15 de \outubro de 2016.



 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger