ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Olho D'Água do Casado: LRF proíbe que atuais gestores façam concursos público nos últimos meses de gestão.

Na semana passada, o prefeito José Gualberto Pereira lançou um edital concurso público para preenchimento de 120 vagas para os cargos mais diversos e inesperados no serviço público do município, muito pobre e carente, com uma população de 8.500 habitantes.

Os advogados do prefeito eleito, Zé dos Santos (Zé da Emater), do PT, deram entrada, ontem (24), numa representação no Ministério Público Estadual e no Ministério Público de Contas para impedir a realização do concurso no final do ano em curso.

Durante reunião realizada ontem na AMA, com os prefeitos eleitos as orientações foram claras no sentido dos atuais gestores não realizarem nenhum concurso público.

O MP de Contas alertou que os municípios cancelem a realização de concursos para que o novos gestores avaliem a necessidade.

Gustavo Henrique alerta também que a LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) proíbe que atuais gestores façam concursos público nos últimos meses de gestão.

A expectativa da equipe jurídica do prefeito eleito Zé da Emater  é que a representação seja acatada nos próximos dias.

As inscrições começaram ontem, vários internautas tem evitado realizar as inscrições temendo o cancelamento do concurso.

O texto abaixo foi extraído do site Edital Concursos Brasil:
“Conforme descrito no regulamento, estão disponíveis 120 vagas no total. O regime semanal de trabalho será de 20 a 40 horas, correspondente a salários de até R$ 3.641,00.
Serão contratos profissionais para os cargos de enfermeiro – samu, motorista – d, engenheiro agrônomo, fisioterapeuta, farmacêutico, guarda municipal, gari, vigilante escolar, médico psiquiatra, médico pediatra, médico veterinário, motorista – a – b, merendeira escolar, assistente administrativo escolar, psicopedagogo clínico institucional, nutricionista, odontólogo – esf, odontólogo – endodontista – periodontista – protecista – pacientes com necessidades especiais, operador de máquinas (retro), pintor, terapeuta ocupacional, merendeira, professor do ensino infantil, professor do ensino fundamental – séries iniciais, professor do ensino fundamental – séries finais, enfermeiro – esf, psicólogo, recepcionista, soldador, pedreiro, técnico agrícola, técnico em contabilidade e encanador.
O certame fica a cargo da Fundação Vale do Piauí, que receberá as inscrições dos interessados por meio do portal: www.funvapi.com.br, entre os dias 24 de outubro e 15 de novembro de 2016, com o custo de R$ 50,00 a R$ 90,00.
Estima-se que os concorrentes realizem a prova do concurso no dia 04 de dezembro de 2016, em locais e horários a serem confirmados no portal: www.funvapi.com.br.”
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger