ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

“Não há nenhum impedimento jurídico que impeça de assumir a prefeitura caso seja eleito”

O candidato do PMDB em Água Branca Paulo Campos postou vídeo em sua página no facebook onde fala sobre prováveis problemas na justiça apresentado pela coligação do PSDB.

Em vídeo, Paulo Campos deixa claro que não há nenhuma ação ou impedimento jurídico que atrapalhe a sua candidatura e uma eventual posso em janeiro de 2017



A assessoria  de Paulo Campos também emitiu nota esclarecendo os fatos:

A Coligação Escolhidos pelo Povo para Mudar, que tem como candidato a prefeito Paulo Campos, vem de público esclarecer:

1- Os processos ingressados pela coligação adversaria são mais de um mesmo, tipo carnaval de campanha para tentar enganar o eleitorado. Paulo Campos pauta sua campanha pelo maior absoluto respeito a legalidade.

2- A coligação Escolhidos pelo povo para mudar, também tem inúmeros processos tramitando contra a coligação adversaria na Justiça Eleitoral da 39 Zona, o que se espera é que o juiz eleitoral tenha mais celeridade no julgamento desses feitos.

A denúncia:


Aconteceu hoje (23), na sede do PSDB em Água Branca uma coletiva de imprensa, convocada pela comunicação da campanha da coligação “Unidos Somos Mais Fortes”, João Edson, Rafael Toledo com a presença do advogado Eduardo Marinho, onde anunciaram para sociedade aguabranquense, várias denúncias efetuadas junto a Justiça Eleitoral contra a campanha de Paulo Campos que se utilizam de irregularidades por propagandas, gastos ilícitos de campanha, abuso de poder político e diversos outros atos de improbidade administrativa ao lado da atual prefeita Albani.

O coordenador da campanha de Zé Carlos, João Edson, expôs para os presentes as evidências da prefeita Albani Sandes em benefício a seu aliado político, Paulo Campos, ex-chefe gabinete por 8 anos, com a utilização de máquinas públicas e abuso de poder.

Os fatos expostos foram propaganda institucional, utilização do Programa Bolsa Família para captação ilícita de sufrágio com envio de carta intimadora para os dependentes, utilização de máquinas em propriedades privadas, distribuição de uniformes de futebol com propaganda irregular de Paulo Campos e outros atos que não puderam ser divulgados.

A coligação “Unidos Somos Mais Fortes” vai ingressar com uma ação de investigação judicial eleitoral, visando punir os infratores e em especial a cassação do registro de candidatura de Paulo Campos e a vice Maria de Lourdes dos Santos Henrique, além de declarar inelegibilidade também da prefeita Albani Sandes.

O objetivo da coligação é intensificar a fiscalização nesta reta final. No final da coletiva foi feito um pedido aos aguabranquenses para evitar que aconteçam excessos e supervisionem abusos que venham influenciar ou manipular a vontade do eleitor que precisa ser respeitada.

A cidade de Água Branca foi registrada como o município que mais recebeu denúncias durante a campanha eleitoral no Sertão alagoano e em segundo lugar a nível estadual. Nossa redação tem recebido várias denúncias e informando esses crimes e a imprensa estará ainda mais vigilantes sobre esses atos de improbidade.



Radar89
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger