ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Estudantes de escolas estaduais têm contato prévio com o mercado de trabalho


Projetos empreendidos pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e escolas da rede pública estadual permitem que alunos do Ensino Médio tenham um contato prévio com o mercado de trabalho. Por meio destas iniciativas, os jovens adquirem conhecimentos práticos sobre profissões e aprendem como se portar em um ambiente laboral.
 
Alunos de cursos profissionalizantes do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) encontraram na própria Seduc o espaço para o estágio de seus cursos. Estudantes dos cursos de Informática, por exemplo, exercitam os conhecimentos adquiridos ajudando no levantamento dos computadores da secretaria, das Gerências Regionais de Educação (Geres) e escolas estaduais. Já os de Organização de Eventos auxiliam na promoção de diversos eventos da Seduc, participando de cerimônias em homenagem aos medalhistas da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) e dos Jogos Estudantis de Alagoas (Jeal).
 
 
O vice-governador e secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, destaca a importância deste contato prévio do jovem com a realidade do ambiente profissional.  “O aluno de nível médio tem uma expectativa muito grande de entrar no mercado de trabalho. Na situação de crise financeira que o país vivencia, é importante que a escola ajude esses jovens a ter essa experiência, algo que vai alargar seus horizontes, dar responsabilidade e aproximá-lo do mercado”, destaca Barbosa.
 
Nas escolas 
 
Além dos alunos que estagiam na Seduc, as escolas da rede estadual também empreendem parcerias para propiciar aos seus estudantes uma maior aproximação da realidade do mercado de trabalho.
 
Em Coruripe, estudantes da Escola Estadual Lima Castro participam de um processo para estagiar na Cooperativa Pindorama. Intitulada “Coopcastro”, a parceria entre a unidade de ensino e a empresa permitirá que 42 jovens estagiem pelo período de um ano, podendo ser renovado por mais um. “Para a escolha destes 42 alunos, serão levados em conta critérios como participação nas aulas, frequência e relações interpessoais”, adianta a diretora-geral da escola, Solange Fialho.
 
Os estudantes se mostraram ansiosos pelo resultado do processo seletivo, que deve ser divulgado no próximo mês. “Participar de um projeto como este é um estímulo para todos nós, principalmente para aqueles que estão mais próximos de concluir o Ensino Médio”, conta Milene Severiano, aluna da 2ª série do Ensino Médio. “Esta é uma oportunidade única que estamos abraçando com todas as nossas forças”, afirma Adailton Santos, que, no final do ano, conclui os estudos.
 
 
 
 
Iniciação 
 
Já a Escola Estadual Benedita de Castro, no bairro do Clima Bom, em Maceió, promoveu parceria com a empresa de cursos profissionalizantes Data.com para a promoção de um projeto de iniciação ao primeiro emprego. Dividido em três módulos (agente administrativo, informática e línguas estrangeiras), o projeto conta com 40 alunos inscritos que assistem às aulas uma vez por semana, sempre aos sábados. As atividades prosseguem até o final de dezembro.
 
“Neste projeto, tentamos ofertar esta formação tanto para os nossos alunos como para jovens do Clima Bom que já concluíram os estudos. Logo, além de propiciar o aprimoramento da qualificação da juventude local, também estamos fortalecendo os laços entre a comunidade e a escola”, ressalta Naildo Melo, diretor-geral da Escola Benedita de Castro.
 
Os alunos também aprovaram a iniciativa. “A gente acorda cedo todos os sábados para estar aqui. E mesmo sendo um pouco cansativo, vale muito a pena, pois estamos aprendendo uma profissão”, diz Elias Nogueira, aluno da 1ª série do Ensino Médio.​
 
 
Agência Alagoas
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger