ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

sábado, 27 de agosto de 2016

Professora tem mais 20 anos de contribuição para a educação especial de Alagoas


Pequenina na estatura, mas gigante na contribuição para a educação especial em Alagoas. Estas palavras resumem a trajetória da professora Joelina Cerqueira, uma das pioneiras da educação especial no estado, com mais de 20 anos de atuação e contribuição à causa, formando centenas de professores nesta modalidade.

O envolvimento de Joelina com a educação especial começa em 1990, quando fez um curso de Especialização em Educação Especial na Universidade Federal de Alagoas (Ufal) em uma época que poucos professores atuavam na área. Dois anos depois, assumiria o comando da Educação Especial na Secretaria de Educação de Maceió (Semed) e, em 2001, esteve à frente da Gerência de Educação Especial da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), onde permaneceria até 2011.

Movida pela curiosidade em aprender e pelo desafio de quebrar barreiras, Joelina teve como desafio inicial mudar mentalidades. Até então, muitas famílias temiam que seus filhos deficientes estudassem em escolas com alunos não deficientes. “Foi difícil no começo, mas depois eles entenderam a importância desta integração”, lembra.

Outro desafio foi expandir a formação na área. Quando assumiu a Gerência da Educação Especial na Seduc, o Estado e o Ministério da Educação (MEC) firmaram uma parceria para promover a qualificação de profissionais. “Na época, encaminhamos um grupo de profissionais que trabalhavam com surdez na rede pública para cursos de intérprete e instrutores de Libras. A partir daí, o processo se expandiu”, conta Joelina, que também leciona em cursos de Pedagogia em faculdades da capital e promove formações pela Seduc com professores da rede pública.

Homenagem – O reconhecimento ao trabalho de Joelina veio em 2006, época da inauguração do Centro de Atendimento à Pessoa com Surdez (CAS), que ganhou seu nome. Em 2013, recebeu a Comenda do Mérito Educativo do Conselho Estadual de Educação (CEE) pela sua contribuição à Educação de Alagoas.

Para as educadoras que atuam na área, Joelina é uma referência. “Não há adjetivo que possa descrever a grande profissional e ser humano que é Joelina Cerqueira”, diz a supervisora de Educação Especial da Seduc, Ana Paula Narciso, que, este ano, trouxe Joelina de volta à equipe da Educação Especial da pasta após duas temporadas da educadora na antiga 13ª Coordenadoria Regional de Educação (atual Gerência Regional de Educação) e no Centro Wandette  Gomes de Castro.

A diretora do CAS, Luciana Tenório, que homenageou Joelina no aniversário de dez anos do Centro, diz que a educadora é uma desbravadora. “Ela é uma pioneira da Educação Especial em nosso estado e contribuiu bastante para o crescimento do nosso centro”, conta.

Após tantos anos de atuação na área, Joelina diz que se emociona com a inclusão de pessoas com deficiência por meio da educação. “Muitos de nossos alunos com deficiência hoje são estudantes universitários e cada vez mais os jovens se interessam em buscar qualificação na área. Presenciar a alegria de uma mãe ao verificar a evolução do aprendizado de seu filho é algo gratificante. Não tem preço”, declara a educadora.


Agência Alagoas
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger