ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Colunistas

Em Delmiro

Educação & Oportunidade

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Estado deve lançar novos concursos com aposentadoria de servidores

A aposentadoria de aproximadamente 5 mil servidores públicos deve obrigar o governo de Alagoas a lançar uma série de novos concursos ao longo dos próximos dois anos. O secretário de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Christian Teixeira, afirmou à Rádio Gazeta nesta manhã que o governo tem feito um estudo para determinar áreas prioritárias.

A publicação de editais, no entanto, depende da adequação das finanças do Estado aos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Teixeira ressaltou que a atual gestão tem se esforçado para se adequar ao que determina a legislação e que tem adotado uma série de medidas que visam à redução de gastos públicos, como o corte de servidores comissionados.

"Nos próximos dois anos, há a perspectiva de 5 mil aposentadorias. Nós estamos fazendo ajustes para que possamos abrir uma quadra de concursos. É imprevisível nesse momento determinar um prazo ou dizer quais serão as áreas, mas sabemos que saúde, educação e segurança têm necessidade. O importante é não estar de braços cruzados", frisou.

Teixeira afirmou que o governo tem buscado se aproximar dos servidores públicos e que criou uma mesa permanente de negociação. Sobre a pauta de reivindicações das categorias, ele disse que a Secretaria de Planejamento tem analisado caso a caso, mas voltou a citar o que classificou como limitações enfrentadas pelo governo do Estado.

"Não dá para resolver questões históricas em menos de dois anos de gestão. Não adianta encontrar soluções paliativas que podem provocar caos lá na frente. Pior do que não conceder aumento é o conceder e não conseguir honrar. Alagoas tem procurado fazer uma administração com planejamento para trazer uma segurança ao servidor público", acrescentou.

Sobre a concessão de aumento salarial para servidores públicos, Teixeira evitou se comprometer e lembrou a grave crise econômica pela qual passa o país. "O Brasil atravessa uma crise financeira sem precedentes. Vários estados estão com os salários atrasados, mas, em Alagoas, os pagamentos estão em dia. Isso é uma forma de valorizar o servidor".

O secretário voltou a destacar que o governo tem adotados medidas para superar a crise que vão além do corte de gastos e não descartou a venda de imóveis. "Feito um planejamento prévio para que as coisas possam acontecer. O estado está fazendo um levantamento de imóveis e pode vender para arrecadar. Defendo um estado mínimo, mas com qualidade máxima".


GazetaWeb.com
 
Copyright © 2013 Ferreira Delmiro - Seu blog de notícias e opinião.
Shared by Themes24x7Powered byBlogger